segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Ménage com Jhonkobrasol

Olá! Após muitas especulações sobre o motivo pelo qual “desaparecemos” daqui neste último ano (a mais interessante e curiosa foi a de que havíamos nos separado), estamos de volta. Foi um ano bastante atribulado profissionalmente, e à noite (quando não estava viajando) quando chegava em casa eu não tinha a mínima disposição para “trabalhar” no blog. Mas dediquei boa parte das férias organizando o material para voltarmos a postar nossas aventuras.

Com este single (a pedido dele) abrimos uma exceção e alteramos o roteiro tradicional: ao invés de barzinho e depois motel, marcamos de nos encontrar na Avenida Beira Mar e seguirmos direto para o motel. Ficamos esperando dentro do carro e quando ele chegou nos apresentamos, a esposa fez o sinal combinado de OK e fomos para o motel mais próximo.
Como sempre faço, ao chegar procuro deixar o single bem à vontade para iniciar a brincadeira, e então fico em um canto preparando a câmera fotográfica ou enrolando com alguma outra coisa, pois sei que a esposa tomará a iniciativa caso ele se mostre um pouco tímido. Ela então começou a apalpar o pau dele por cima da bermuda, que já estava duro como ferro, e rapidamente despiu completamente o macho e começou seu tradicional boquete enlouquecedor. Logo em seguida foi a vez dele tirar a calcinha da minha amada, quando me aproximei e ela começou a chupar os dois .







  






Ela já estava completamente encharcada e lambuzada (como vocês podem ver nas fotos) quando puxou o amigo para a cama e fizeram um delicioso 69. Daí para ele colocar a camisinha e meter na bucetinha completamente molhada dela foi um pulo. Primeiro fizeram um papai e mamãe, depois ele pegou ela de quatro (como vocês já sabem é a posição favorita dela) e por último ela cavalgou aquele pau duríssimo e segundo ela muito gostoso. Como ninguém resiste muito tempo quando ela está por cima e comandando a situação, ele anunciou que iria gozar e perguntou onde ela queria receber o leitinho, e ela prontamente respondeu que queria nos seios.


























Tomaram um banho e a esposa descansava deitada de bruços quando ele começou a provocá-la novamente. Ela ficou de quatro e ele meteu em sua bucetinha novamente, mas seu objetivo era outro... algumas estocadas depois conseguiu meter em seu cuzinho apertado, e ela gemia muito alto, completamente dominada pelo tesão e por aquele homem viril mas que sabia muito bem conduzir um sexo anal. Quando novamente ele estava pronto para gozar, ela pediu para chupar pois queria ganhar leitinho na boca desta vez. É isso aí! Se gostarem, comentem. Beijos e abraços.